Fechar

Login

16

Fev

2017

Festa de Nossa Senhora de Lurdes no Seminário de Resende

No passado sábado o Seminário Menor de Resende celebrou em Festa a Solenidade da sua Padroeira, Nossa Senhora de Lourdes. Desde que há memória, este dia é sempre vivido pela comunidade do Seminário com grande alegria, porque celebramos a Mãe de Deus que se dignou apareceu em 1958 a Bernardete de Soubirous na gruta de Massabielle perto de Lourdes em França e  por intermédio desta humilde menina, chamou os pecadores à conversão, despertando na Igreja um intenso movimento de oração e de caridade, sobretudo em benefício dos pobres e dos doentes.

Este é também um dia para acolher e chamar ao Seminário os familiares e os párocos dos nossos Seminaristas. Este ano não foi exceção. Pela manhã começaram a chegar os pais, familiares e alguns párocos.

O primeiro momento foi de receção e de boas vindas. No salão do Seminário, as Irmãs da Comunidade Servas de Maria do Coração de Jesus presentearam-nos com alguns cânticos de mensagem sempre acompanhados de gestos que nos trouxeram alegria e boa disposição.

A irmã Amanda deu o seu testemunho vocacional, falando um pouco do seu chamamento e como acolheu a vontade de Deus, para deixar tudo e seguir Jesus vivendo no seu coração e na sua vida este mandato do Senhor de ir e de anunciar. De seguida a irmã Maria, com muita afabilidade e simplicidade, deixou-nos algumas pistas e orientações para que, aqui, na nossa terra, eventualmente até na nossa casa, possamos ser missionários e anunciar Jesus. Através do nosso sorriso diário, do simples cumprimento, do gesto afetuoso, da bondade somos portadores da alegria de Jesus. Disse-nos ainda que antes de tudo mais é preciso viver a palavra para depois sermos verdadeiras testemunhas dela. Um obrigado a esta Comunidade, pela sua presença e pela sua alegria partilhada connosco.

 

De seguida tivemos a Eucaristia. Ponto alto da Solenidade. O nosso Bispo D. António Couto, o nosso Bispo Emérito D. Jacinto, o sr. Vigário Geral e vários sacerdotes ajudaram-nos a viver este momento de verdadeira interioridade. Na sua homilia o sr. Bispo ligando a Palavra de Deus a Maria, deixou-nos completamente sentados ao colo de Nossa Senhora. Ela é Mãe que nos acolhe e acalenta, que nos recebe e acompanha, que nos acaricia e protege. Referindo-se às bodas de Caná da Galileia, elucidou-nos da nossa missão de diaconia, ou seja de servidores. Não somos chefes de provas, somos servidores do vinho novo que é Jesus Cristo. Ele é sempre a novidade a ser anunciada por isso com a ajuda de Maria somos sempre portadores desta Boa Nova.

Terminada a celebração da Eucaristia, passamos para outra mesa, outra partilha, outra refeição. O almoço no refeitório do seminário foi um belo momento de alegria, de comunhão e de diálogo.

E porque o sr. Bispo tinha compromissos pastorais, depois da sobremesa, tivemos um belíssimo momento musical oferecido pelo Grupo Coral de Resende.  Todos os elementos do grupo devidamente trajados, deliciaram-nos com algumas peças musicais do seu vasto reportório. Foi absolutamente um momento fascinante e agradável que a todos emocionou e alegrou. Aproveitamos também o momento, para publicamente, agradecermos ao sr. Luís e por ele a todos e a cada um dos elementos do Grupo Coral

Antes da partida, recolhemo-nos por uns momentos em oração na Capela do Seminário. As mães e os familiares dos nossos seminaristas puderam fazer um ato de consagração dos seus filhos a Nossa Senhora, entregando-os aos cuidados maternos da Mãe do Céu. Entre o canto e o louvor as lágrimas de alguns rostos brilharam.

Com a alegria com que começou, também terminou este dia, preenchido pela felicidade e pelo encontro com Deus por meio de Maria.

 

 

Pe. José Miguel, in Voz de Lamego, ano 87/14, n.º 4399, 14 de fevereiro de 2017