Previous Next

Visita Pastoral D. António Couto à Paróquia de Travanca

O frenesim de todos os paroquianos fazia sentir-se mais que o frio, Será que é ele? É o carro do Bispo…. E eis que o pastor chega acompanhado pelo pároco da freguesia, Pe. Fabrício Pinheiro…
Marcava 15h00, e o Sr. D. António Couto é recebido em clima de festa, os foguetes rebentavam no ar.

O tapete colocado no adro coloria todo o ambiente festivo, o sorriso do Pastor era contagiante e fazia-se irmão no meio do povo, cada passo era agraciado com uma enorme salva de palmas… fazia mesmo até lembrar a entrada triunfal de Jesus em Nazaré…

Após todos os ministros (acólitos, sacerdote e bispo) se paramentarem na casa paroquial, eis que a procissão de entrada se realiza, o incenso queimava e as nuvens de fumo elevavam a nossa oração a Deus, a cruz ia bem alta, e todo o povo entrava na Igreja paroquial de Santa Leocádia de Travanca.

Ao longo do caminho até o altar, o nosso bispo saudava o povo e as crianças, era um clima de família, uma igreja unida em redor do seu Pastor.

Após uma breve saudação do Pároco da freguesia, o qual agradeceu a visita pastoral decorrida naquela semana, D. António Couto começou a cerimónia.

Os olhares atentos das pessoas e emocionados, faziam sentir que Deus estava ali, estava metido naquele seio cristão “onde dois ou três estiverem reunidos em meu nome Eu estrei no meio deles”.

Toda a mensagem enviada pelo nosso bispo, foi de anúncio e de Boa Nova. À comunidade pedia que fosse uma comunidade de graça, que soubesse embalar os irmãos e que o olhar terno, como se fosse de uma mãe, nos fizesse amar cada vez mais o irmão e o estrangeiro.

Pediu ainda mais, que à imagem de João Batista, preparássemos os caminhos do senhor, que aplainássemos os nossos corações e o nosso ser, para a chegada do Salvador…

Só um coração aberto e terno, pode receber o amor de Deus.

Aos Crismandos, solicitou que fossem novos Cristos na Terra, que os seus rostos refletissem o logos a todo o mundo…ó uma comunidade refletida pela luz de Deus pode colher bons frutos e boas obras.

A comunidade solicitou uma oração em igreja unida, e em prol de todos, uma oração de graças também por aqueles que naquele dia eram confirmados na fé e no Espirito…

Toda a celebração foi em clima de alegria e de paz, houve tempo também para lembrar todos os irmãos falecidos da comunidade, todos aqueles que partilharam momentos de vida e de fé connosco, ouviu-se um grande Pai-nosso, a mais bela oração ao Abbá…

Em prol da gratidão pelos dias passados com o pastor, o Senhor Pe. Fabrício Pinheiro em nome da comunidade ofereceu ao Bispo da diocese, uma imagem da Sagrada Família de Nazaré, no sentido de como família todos podermos permanecer unidos em Cristo Jesus.

A imagem foi oferecida com muito amor e carinho, o mesmo amor que Maria e José ofereceram Jesus O Salvador do mundo…

Um amor de entrega e de testemunho…

A comunidade agradece a visita pastoral realizada pelo seu Pastor, e faz votos que esta se repita por mais vezes, deixando um recado que as Portas da simples e singela aldeia de Fornelos, estará sempre de portas abertas para receber o seu pastor D. António Couto, tal como os corações de todos os travanquenses.

Marco Cardoso,
in Voz de Lamego, ano 88/05, n.º 4442, 2 de janeiro de 2018


A acontecer...

Notícias Recentes

Pesquisar

Redes Sociais

Fale Connosco

  254 612 147

  curia@diocese-lamego.pt

  Rua das Cortes nº2, 5100-132 Lamego.

Contacte-nos

Rua das Cortes, n2, 5100-132 Lamego

 254 612 147

 curia@diocese-lamego.pt

 254 612 147

Este site usa cookies para uma melhor experiência de utilização. Saiba mais.