Previous Next

Semana Nacional Cáritas 2018

“UMA SÓ FAMÍLIA HUMANA, CUIDAR DA CASA COMUM”

A partir do dia 26 de Fevereiro e até ao dia 4 de Março irá decorrer a Semana Nacional Cáritas em Portugal, sob o tema “Uma Só Família Humana, Cuidar da Casa Comum”.

Ao longo da semana irão decorrer algumas atividades diversificadas para assinalar o evento ao nível das várias Cáritas Diocesanas, tendo por objetivo salientar a missão da Cáritas no apoio aos mais carenciados e assim apelar à participação das pessoas nos peditórios a realizar nas nossas paróquias nos dias 3 e 4 de Março.

Importa referir que o trabalho que é desenvolvido pela Cáritas ao nível local é muito diversificado, nomeadamente na ajuda ao apoio a problemas relacionados com a saúde, com a habitação (rendas, água, obras, luz…), apoio e orientação para a resolução de problemas pontuais, bem como acolher todos o que procuram a instituição, pautados pelo exercício da solidariedade ao serviço da dignidade humana.

Este ano, ainda com as tragédias bem presentes na nossa mente dos incêndios que assolaram o nosso País e de outras catástrofes noutros lugares do Mundo, foi decidido que seria muito importante colocar o enfoque no tema “Cuidar da Casa Comum”, pois como refere D. José Traquina ao cuidarmos do nosso planeta estaremos a proporcionar a todas as famílias que o habitam, um ambiente acolhedor, alegre e saudável.

Somos todos responsáveis pela preservação da natureza e pelo bem-estar de todos, contudo, continuamos a ter ainda algumas atitudes de desvelo pela Casa Comum. Neste âmbito, e em sintonia com o Papa Francisco, D. José Traquina, Bispo de Santarém e Presidente da Comissão Episcopal da Pastoral Social e Mobilidade Humana enviou-nos a seguinte mensagem:

“UMA SÓ FAMÍLIA HUMANA,
CUIDAR DA CASA COMUM.
CUIDAR DA CASA COMUM.

O mundo é a nossa casa.
Aprendemo-lo desde pequenos. Alguns em pequenas aldeias, outros em vilas ou cidades, apercebemo-nos, mais cedo ou mais tarde, de que não vivíamos isolados.
Na escola, falavam-nos de países, continentes e mares. Fomos ouvindo notícias de coisas que aconteciam muito longe. E parecia que estávamos lá. Sobretudo quando as imagens acompanhavam os relatos.

O mundo é a nossa casa e somos uma só família humana.
Por isso vos proponho que, neste ano, a rede Cáritas (e todos nós!) releia com atenção a belíssima encíclica do Papa Francisco, Laudato Si’.

É da sua introdução um trecho que escolhi para partilhar convosco. Na verdade, estas frases exprimem, em síntese, o que de mais profundo quero dizer-vos: «O urgente desafio de proteger a nossa casa comum inclui a preocupação de unir toda a família humana na busca de um desenvolvimento sustentável e integral, pois sabemos que as coisas podem mudar.

O Criador não nos abandona, nunca recua no seu projeto de amor, nem Se arrepende de nos ter criado. A humanidade possui ainda a capacidade de colaborar na construção da nossa casa comum. Desejo agradecer, encorajar e manifestar apreço a quantos, nos mais variados sectores da atividade humana, estão a trabalhar para garantir a proteção da casa que partilhamos. Uma especial gratidão é devida àqueles que lutam, com vigor, por resolver as dramáticas consequências da degradação ambiental na vida dos mais pobres do mundo. Os jovens exigem de nós uma mudança; interrogam-se como se pode pretender construir um futuro melhor, sem pensar na crise do meio ambiente e nos sofrimentos dos excluídos» (n.13).

«As coisas podem mudar»!
É que estes termos estão ligados: “a nossa casa comum”, “toda a família humana”, a procura de um “desenvolvimento sustentável e integral”.
Não há duas crises separadas, como o Papa afirma noutro passo (n.139): «uma ambiental e outra social; mas uma e complexa crise sócio-ambiental». Há que encontrar uma abordagem
integral que permita «combater a pobreza, devolver a dignidade aos excluídos e simultaneamente cuidar da natureza» (n.139).

É esta a missão da Cáritas.
É este o nosso compromisso na transformação do mundo em que vivemos para que seja, cada vez mais, uma terra de irmãos, um mundo de paz.”

Sejamos generosos no nosso contributo, para assim podermos ajudar mais e melhor as pessoas que nos procuram, quer pontualmente, quer em situações de emergência.

Isabel Duarte Mirandela da Costa
Presidente da Cáritas Diocesana de Lamego,
in Voz de Lamego, ano 88/13, n.º 4450, 27 de fevereiro de 2018

A acontecer...

Seg. Ter. Qua. Qui. Sex. Sáb. Dom.
11
12
14
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

Pesquisar

Redes Sociais

Fale Connosco

  254 612 147

  curia@diocese-lamego.pt

  Rua das Cortes nº2, 5100-132 Lamego.

Contacte-nos

Rua das Cortes, n2, 5100-132 Lamego

 254 612 147

 curia@diocese-lamego.pt

 254 612 147