Previous Next

Movimento da Mensagem de Fátima – Dia de Deserto

Desde alguns anos que o Movimento da Mensagem de Fátima, presente na Diocese de Lamego, convida os seus Mensageiros e outros interessados, a fazer um “dia de deserto”. Este ano foi escolhida a Ermida de Nossa Senhora do Fojo ou do (Refúgio), situada na paróquia de Gosende, no concelho de Castro Daire. É um lugar belo pela sua simplicidade e pela ausência de ruídos. Dia 9 de Junho, passado sábado, pelas 9h, começaram a chegar os Mensageiros, juntamente com outras pessoas, em família, para viverem um dia diferente.

A liturgia celebrava a Memória do Imaculado Coração da Virgem Santa Maria. O orientador Luís Almeida, natural de Viseu, um jovem professor que decidiu abraçar o caminho da vida sacerdotal, falou com todo o amor, ardor e simplicidade, dessa Mãe de ternura, que “guardava tudo em seu coração” (Lc 2, 19). Maria deixou que a palavra de Deus transformasse o seu coração. Não compreende mas medita, aceita e confia, como por exemplo, quando perde Jesus no Templo e ouve a resposta de Seu Filho ”porque me procuráveis? não sabíeis que devia estar na casa de Meu Pai?” (Lc 2 41-52). Ou nas bodas de Caná onde seu Filho lhe diz, “mulher ainda não chegou a minha hora” (Jo 2, 4), e Ela recomenda aos serventes, “fazei tudo o que Ele vos disser!” (Jo 2, 5). Nossa Senhora é Mãe sofredora mas forte, está “de pé junto á cruz” (Jo 19, 25), mantém a mesma atitude de confiança e entrega-se a Deus, deixando-se conduzir por Ele e aceita na pessoa de S. João ser Mãe dos discípulos e de toda a humanidade. Depois deste alerta feito por alguém que vive a Mensagem, ficamos mais conscientes de que não podemos perder Jesus, temos de ir à Sua procura, temos que deixar que Deus transforme o nosso coração. Na segunda intervenção foi-nos lembrado os pedidos que Nossa Senhora fez em Fátima, aos pastorinhos: Oração, Conversão e Reparação, tendo em conta o seu Imaculado Coração.

Houve tempo para adorar o Senhor e para a Reconciliação. Agradecemos a alguns dos sacerdotes desta zona pastoral a disponibilidade para este sacramento. Seguiu-se um lanche partilhado em são convívio. O encontro terminou com o momento mais  alto deste dia, a Eucaristia  vivida e partilhada por todos os presentes unidos a Jesus morto e ressuscitado.
Que Nossa Senhora aceite as preocupações de uns e as angústias de outros e nos ajude a nunca perder Jesus da nossa vida.

O Secretariado Diocesano, in Voz de Lamego, ano 88/28, n.º 4465, 12 de junho de 2018

A acontecer...

Pesquisar

Redes Sociais

Fale Connosco

  254 612 147

  curia@diocese-lamego.pt

  Rua das Cortes nº2, 5100-132 Lamego.

Contacte-nos

Rua das Cortes, n2, 5100-132 Lamego

 254 612 147

 curia@diocese-lamego.pt

 254 612 147

Este site usa cookies para uma melhor experiência de utilização. Saiba mais.